bg herbert.png

Kawai Sensei 

Kawai Sensei como carinhosa e respeitosamente é chamado Reishin Kawai, nasceu Toshio Kawai em 28/02/1931, em Yasugi, Província de Shimane, Japão. O nome Reishin ele recebeu de sua mestre espiritual, Kassa Yokan sensei, já em São Paulo, onde tinha sua clínica de acupuntura e dedicou toda a sua vida ao Aikido e ao seu caminho espiritual.

Kawai sensei entrou na eternidade no dia 26/01/2010

Quando criança, Toshio Kawai sofria de sérios problemas inflamatórios em suas pernas, chegando a utilizar cadeiras de rodas, desenganado pelos médicos, que não encontravam respostas para os seus problemas. Foi através da Medicina Oriental praticada pelo mestre Torataro Saito, com shiatsu, acupuntura e outros tratamentos, que ele encontrou sua recuperação. Tornou-se aluno residente (uchi deshi) do mestre.
Torataro Saito era um eminente praticante de artes marciais, tais como o Daito Ryu Aiki Jutsu, Ken Jutsu, Karate Do, So Jutsu (lança) entre outras. Arimoto Murashige, que anos depois seria o responsável por enviar Kawai sensei ao Brasil, frequentou a clínica do professor Saito ainda moço, na década de 20 do século passado, e lhe ensinou a evolução das técnicas do Fundador, chamadas então de Ueshiba-ryu Aiki-Jujutsu, que depois viriam a se tornar o Aikido. Nos anos 30, o professor Saito estudou diretamente com o Fundador do Aikido, Morihei Ueshiba.
Kawai sensei continuou a se aprimorar, formando-se em Medicina Oriental na Universidade de Tsukushoku, sob a tutela do famoso mestre de Acupuntura, Mishimasa Nishizawa. Chegou a lecionar as disciplinas de Acupuntura Geral e Técnica de Moxa na mesma Universidade. Em 1955, funda a Nihon Kobudo Iho Fukyukai, Sociedade Japonesa de Artes Marciais e Estudos de Acupuntura, para promover e divulgar as artes marciais e a medicina oriental. Em 1957, realiza sua primeira viagem ao Brasil, tratando pessoas com shiatsu e acupuntura e realizando demonstrações de artes marciais, principalmente no interior do Paraná, onde havia uma grande colônia japonesa. 
Já em 1961, viaja para a França e a Bélgica, onde conhece pessoalmente o fundador da Macrobiótica, Sakurazawa Niyoti, estudando aquele método de cura pela alimentação (Kawai sensei não era macrobiótico, mas reconhecia seu valor em tratamentos de saúde) e reencontra o mestre Arimoto Murashige, que o convida a tornar-se o representante do Aikido na América do Sul
  • Em 09/01/1963 abriu sua primeira academia, na Rua das Carmelitas, no centro de São Paulo.
  • Em 28/02/1963 recebe o título de Shihan, concedido pelo Mestre Morihei Ueshiba.
  • Em 01/10/1975, torna-se o Representante-Geral da Fundação Aikikai do Japão no Brasil. Nesse mesmo ano o Dr. Carlos Lacaz, diretor da Faculdade de Medicina da USP e ex-Secretário da Saúde do Estado de São Paulo, que sofria de incontinência de soluços foi curado por ele. Deste contato resultou num convite do para lecionar Medicina Oriental na USP. Recusar o convite por não dispor de tempo em sua agenda.
  • Em 1978, Kawai sensei convida o Mestre Kishomaru Ueshiba, o Doshu do Aikido (Grão Mestre, literalmente, o Dono do Caminho), a visitar o Brasil, o Uruguai e a Argentina. 
  • Em 1979, funda a Federação Paulista de Aikido.
  • Em 1980, participa em Paris do Congresso Internacional de Aikido, quando foi nomeado vice-presidente da Federação Internacional de Aikido, para a América do Sul, exercendo este cargo por oito anos consecutivos.
  • Em 1985, funda a União Sulamericana de Aikido.
  • Em 1990, convida pela segunda vez o Doshu do Aikido, Kishomaru Ueshiba, a visitar o Brasil, Uruguai e Argentina.      
A partir de então, anualmente convida mestres da Sede Mundial para que venham ao Brasil e envia seus alunos ao Japão, para treinamentos.

Kawai sensei entrou na eternidade no dia 26/01/2010

Seu legado é gigantesco e está vivo no coração dos aikidokas que ele formou.